Transporte em Paris – Como fazer um passe Navigo

Para quem vai morar em Paris — ou simplesmente vem visitar a cidade –, a opção mais barata para se locomover é o passe Navigo. Dá para fazer viagens ilimitadas durante o mês ou a semana (é você que escolhe por qual período quer carregá-lo) de metrô, RER, tramway e ônibus dentro das zonas (1-5) escolhidas.

Com tudo que li pela internet, fiquei convencida de que minha única opção seria o Navigo Découverte. Graças a uma funcionária que não estava a fim de me atender naquele dia, descobri que quem mora na Île-de-France pode fazer o Navigo (assim, sem nenhum nome complementar) gratuitamente em algumas estações de metrô ou trem específicas — que podem ser consultadas no próprio site do Navigo. A moça me disse para ir à estação Marcel Sembat (linha 9) com um comprovante de residência e pronto.

E assim, eu e Aliki fomos até lá no dia seguinte. A principal diferença entre o Navigo e o Navigo Découverte é que o segundo é voltado para turistas, portanto você não precisa fazer nenhum cadastro. Basta ir a um guichê do metrô, dizer que gostaria de fazer o passe, pagar 5 euros, levar uma foto 3×4 e voilá! A desvantagem é que em caso de perda ou roubo, o problema é seu, já que como não é feito um cadastro, fica meio difícil de recuperar o valor carregado.

O carregamento é igual para os dois tipos de passe e pode ser feito em terminais automáticos nas estações de trem e metrô. Na primeira vez, você terá que escolher as zonas de carregamento. A tarifa mensal dá direito a viagens ilimitadas do 1º ao último dia do mês, por isso não é vantagem fazê-lo no dia 15, por exemplo. Já a semanal vale de segunda a domingo.

Mas o que são essas tais “zonas de carregamento”?  O sistema de transporte público de Paris, assim como quase todos os sistemas de transportes públicos europeus, é baseado na teoria das zonas concêntricas.  Assim, os deslocamentos menores e mais próximos do centro têm uma tarifa menor do que os deslocamentos maiores.  Ou seja, quem mora longe do centro paga mais pelo transporte público (e o utiliza mais, já que seu deslocamento é maior) do que quem mora perto do centro.

A Île-de-France compreende as zonas de 1 a 5, mas se você vive dentro de Paris, certamente se deslocará entre as zonas 1-2 (€ 62,90 a tarifa mensal e € 19,15 a tarifa semanal). Para andar fora das zonas escolhidas, é preciso comprar tickets separados.

Só para comparação:

Ticket t+: € 1,70 cada (vale para viagens de metrô, ônibus, tramway e RER zona 1)

Carnet 10 voyages (10 tickets t+): € 12,50 — cada ticket sai por € 1,25

 

2 pensamentos sobre “Transporte em Paris – Como fazer um passe Navigo

    • Augusto, existe sim, mas dependendo do tempo que você for ficar é mais barato fazer um plano pós-pago (chamado forfait). Vou preparar um post sobre o assunto!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s